Feira de São Mateus, em Viseu, atinge novo recorde histórico de visitantes

Em noite de moda e glamour, concurso dos vestidos de chita garantiu “casa” cheia. Registaram-se 60 mil entradas só neste dia

Em “Ano Oficial para Visitar Viseu”, o maior evento do ano na cidade-jardim continua a alcançar marcos históricos no número de visitantes. Ontem, no segundo domingo franco da Feira de São Mateus e noite do Concurso de Vestidos de Chita, registou-se um novo recorde absoluto de entradas na feira franca: 59.688 visitas foram contadas.

Este é o número mais elevado de sempre desde que foi introduzida a contagem mecânica e eletrónica de entradas. Para a Organização, a cargo da Viseu Marca, “estes números são a melhor prova de que feirar em Viseu está outra vez na moda”.

Em ano de aniversário redondo – 625 anos –, o certame viseense tem conquistado recorde após recorde, tendo registado, só no primeiro fim-de-semana, a visita de 129 mil pessoas. Até à data, decorridos 10 dos 38 dias do evento, a Feira foi visitada por quase 400 mil pessoas.

Outra conquista a assinalar nesta edição 625 da feira franca foi o número de modelos em competição na segunda edição do Concurso de Vestidos de Chita, que decorreu ontem à noite, no Palco Santander Totta. O evento voltou a provar a glória que o caracterizava sobretudo nas décadas de 70 e 80. A plateia estava repleta de visitantes para assistirem a este momento.

A edição 2017 do concurso trouxe a palco 22 modelos originais, mais 10 do que no ano anterior. Ao todo, 24 criadores estiveram envolvidos na confeção das peças de chita, desfiladas por 22 jovens modelos.

Isabel Cardoso (1º Prémio), Marta Lisboa (2º Prémio) e Teresa Pinhal (3º Prémio) foram as costureiras a liderar o top 3. Nuno Ribeiro, o primeiro e único costureiro a participar do Concurso, arrecadou uma Menção Honrosa. Jorge Sobrado, gestor da Viseu Marca, o alfaiate Carlos Ferreira e a estilista viseense Teresa Macário constituíram o júri. Uma votação do público será agora realizada através do Facebook.

Em noite de glamour, a decoração de palco tinha um sabor especial, contando com sete vestidos de chita que participaram do concurso nos anos 70 e 80.. Pedro Duvalle foi o músico que atuou nesta noite.

J.Sobrado