GOLFE TORNEIO VINHOS DOM VICENTE

Foi uma prova atribulada este torneio que contou para a OM do CG Viseu e que foi patrocinada pelos afamados “VINHOS DOM VICENTE”. Primeiro porque esteve em causa o seu início, pois na noite anterior choveu copiosamente e teve de ser feita uma inspeção ao percurso, o que atrasou ligeiramente o shotgun. Iniciada a prova, tivemos de seguida um desenrolar de mudanças climatéricas, que foram desde a intensa chuva, granizo, vento e por fim, a cerca de metade da prova, uma forte trovoada que a interrompeu temporariamente, facto que foi aproveitado por todos os concorrentes para se deliciarem no bar de campo, onde o afamado “pernil assado” foi rei e regado com os afamados néctares “Dom Vicente”. Como o sol apareceu, a prova foi reiniciada sem que se tenha registado qualquer desistência. Face a todos estes condicionalismos, só um dos concorrentes, o Jorge Sousa conseguiu levar o campo de vencida e ser também o melhor jogador em prova. Em net o Jorge (1º da 1ª catª) obteve 38 pontos e foi seguido pelo Ives Marchione (1º da 2ª catª), Luís Chaves (1º sénior), Ricardo Coelho (1º da 3ª catª) todos 34. Em gross, o campeão Jorge obteve 25 pontos, tal como o José Santos, Carlos Miranda conseguiu 22, Agostinho Lopes 20 e António Moita, António Cunha e Carlos Tinoco todos com 18. A Gay Adamson foi a 1ª senhora e o Carlos Miranda e Carlos Duarte obtiveram as pancadas especiais, o Miranda com a mais certeira e o Duarte com a mais longa. Os espetaculares vinhos DOM VICENTE, foram degustados também no almoço e era unânime o sentimento que estávamos na presença de uns vinhos de alto gabarito.

Álvaro Marreco