INAUGURAÇÃO DAS NOVAS INSTALAÇÕES DA DELEGAÇÃO DE VISEU DA LIGA PORTUGUESA CONTRA O CANCRO

Nova delegação vai acolher os serviços de voluntariado comunitário e apoio a doentes com cancro de mama e ainda consultas de Psico-Oncologia. Continua a política de descentralização do Núcleo Regional do Centro da Liga Portuguesa Contra o Cancro tendo em vista uma maior proximidade à comunidade da Região Centro. O Núcleo Regional do Centro da Liga Portuguesa Contra o Cancro (LPCC) inaugurou no passado dia 30 de outubro, a nova delegação de Viseu, situada na Rua Frei Joaquim Santa Rosa de Viterbo, Lote 95 R/C, Quinta do Galo – Jugueiros (próximo ao Centro de Saúde Viseu 3). Na cerimónia de inauguração estiveram presentes Carlos de Oliveira, Presidente da Direção do Núcleo Regional do Centro da Liga Portuguesa Contra o Cancro, e Almeida Henriques, Presidente da Câmara Municipal de Viseu. Na ocasião participaram também a Coordenadora do Movimento Vencer e Viver, Emília Morgado Santos, o responsável do grupo comunitário de Viseu, António Manuel Aidos e o Presidente do Conselho de Administração do Centro Hospitalar Tondela- Viseu, Dr. Cílio Correia. Carlos de Oliveira lembrou, durante a Cerimónia de Inauguração, que estas são as primeiras instalações adquiridas fora do distrito de Coimbra, com o objetivo de melhorar as condições oferecidas aos voluntários. O objetivo, é “assim dar continuidade à política de descentralização do Núcleo Regional do Centro, tendo em vista uma maior proximidade à comunidade da região Centro”. Numa primeira fase, a Delegação de Viseu da LPCC terá em funcionamento o Movimento Vencer e Viver (MVV) de apoio à mulher, desde o momento em que é diagnosticado um cancro da mama; uma extensão da unidade de Psico-Oncologia de apoio a todos os doentes oncológicos e familiares; e ainda o Grupo de Voluntariado Comunitário de Viseu. O Presidente da Câmara Municipal de Viseu (CMV), Almeida Henriques, destacou no decorrer do evento o trabalho que os voluntários existentes no concelho realizam e que tornam Viseu um município “muito solidário”. Neste âmbito, anunciou ainda a proposta de formalização de um apoio da Câmara à LPCC.NRC no valor de cinco mil euros, que servirá para adquirir equipamento para as novas instalações. O Presidente da Direção do Núcleo Regional do Centro da Liga Portuguesa Contra o Cancro, Carlos de Oliveira, terminou a sua intervenção destacando a atividade da LPCC no concelho de Viseu. Atualmente com 15 voluntários comunitários no concelho, e 16 voluntárias do MVV, várias têm sido as iniciativas de sensibilização e angariação de fundos a favor da Liga. O Peditório Nacional da LPCC angariou no concelho de Viseu cerca de 82 mil euros, nos últimos dois anos; bem como cerca de 32.500 euros nas caminhadas de sensibilização “O Que Nos Liga” e “Pequenos Passos, Grandes Gestos®”, com a envolvência de mais de 4500 participantes nas edições de 2017 e 2018. Foram ainda destacados os dados do Rastreio de Cancro da Mama em Viseu (RCM), cuja primeira volta teve início a 17 de dezembro de 1990. Desde esta data integram o RCM em Viseu 24.110 mulheres, com um total de 120 mil mamografias realizadas até então, e com o encaminhamento – para diagnóstico e tratamento – de um total de 529 mulheres. O Rastreio de Cancro da Mama voltará ao concelho de Viseu em junho de 2019 e decorrerá até abril/maio de 2020.