MAIS DE 200 TRABALHADORES EM RISCO DE PERDEREM O EMPREGO

O Sindicato dos Trabalhadores de Industria de Hotelaria, Turismo, Restaurante e Similares do Centro refere  hoje em comunicado o seguinte :

O Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP) fez um concurso público para o fornecimento de serviço de refeições nas cantinas dos centros de formação profissional.

O IEFP aceitou integrar o concurso a empresa Euroessen, Ld.ª, criada pela Solnave, S. A., que tinha requerido um PER e que ficou a dever aos trabalhadores, Estado e fornecedores.

Esta empresa ficou em primeiro lugar no concurso, mas, por razões que desconhecemos, não assinou o contrato com o IEFP.

O IEFP deveria entregar o serviço de refeições à empresa que ficou em segundo lugar mas não entregou.

Há centros de formação que deviam estar a servir refeições a formandos, mas por este motivo as cantinas estão encerradas.

Os trabalhadores apresentaram-se hoje ao serviço mas ficaram sem actividade e voltaram para casa.

A esmagadora maioria dos mais de 200 trabalhadores dos cerca de 25 centros de formação profissional com cantina estão de férias este mês mas não sabem o que os espera no final de agosto, se vão receber o salário e se vão ter emprego, pois a anterior empresa abandonou as cantinas no final de Julho e a nova empresa não assinou contrato.

O Estado não devia aceitar no concurso empresas que têm dívidas aos trabalhadores e ao Estado.

Direção do SHC