Mangualde abre primeiro Espaço do Cidadão descentralizado

A secretária de Estado Adjunta e da Modernização Administrativa, Graça Fonseca, o presidente da Câmara Municipal de Mangualde, João Azevedo, e o presidente da União de Freguesias de Tavares, Alexandre Constantino, inauguraram ontem o primeiro Espaço do Cidadão descentralizado do concelho de Mangualde. O Espaço do Cidadão de Tavares, sito no Largo do Outeiro, em Chãs de Tavares, passa a funcionar no edifício da junta de freguesia de Tavares de 2ª a 6ª feira, das 9h00 às 12h00 e das 13h30 às 17h30.
“Estamos a aproximar os serviços públicos às populações. Hoje Chãs de Tavares, e nos próximos meses Fornos de Maceira Dão, ficam com um serviço de excelência para os cidadãos. Esta é a verdadeira reforma do Estado e do território, que promove a coesão territorial.”, afirmou o autarca mangualdense, João Azevedo. A secretária de Estado felicitou a iniciativa da autarquia e da Junta de Freguesia, reafirmando as declarações do edil mangualdense. Alexandre Constantino considerou que esta é a sua maior obra enquanto autarca. “Aproximar os serviços das pessoas é dar qualidade de vida à população”, disse.
O novo espaço passa a acolher diversos serviços: ACT – Autoridade para as condições de trabalho, ADSE – Direção-geral de Proteção Social aos Funcionários e Agentes da Administração Pública, DGLAB – Direção-geral do Livro dos Arquivos e das Bibliotecas, IGAC – Inspeção Geral das Atividades Culturais, IHRU – Instituto de Habitação e da Reabilitação Urbana, Serviços Partilhados do Ministério da Saúde, DGC – Direção-Geral do Consumidor, SEF – Serviço de Estrangeiros e Fronteiras, ISS – Instituto da Segurança Social, CGA – Caixa Geral de Aposentações, IMT – Instituto da Mobilidade e dos Transportes, IEFP – Instituto do Emprego e Formação Profissional, AT – Autoridade Tributária e Aduaneira e AMA – Agência para a Modernização Administrativa.