Município de Pinhel promove “Tardes nos Museus”

Em 2019, o Município de Pinhel dá início a mais uma iniciativa que tem o objetivo de aproximar pessoas e património. São as “Tardes nos Museus” e vão realizar-se no terceiro domingo de cada mês. No intuito de permitir um melhor conhecimento e divulgação da identidade cultural que caracteriza o concelho, o Município de Pinhel vai promover a realização de visitas guiadas aos museus da Casa da Cultura – Museu Municipal e Museu José Manuel Soares. A iniciativa tem início em janeiro, mais precisamente dia 20, é destinada aos residentes do concelho e vai realizar-se nas tardes do terceiro domingo de cada mês. Para facilitar a organização das visitas, em cada mês serão convidados os habitantes de uma das localidades do concelho, ficando o transporte a cargo do Município de Pinhel (mediante inscrição prévia realizada através da respetiva Junta de Freguesia). Com esta atividade pretende-se que as gentes do concelho tenham oportunidade de “viajar no tempo” e de ficar a conhecer os testemunhos dos nossos antepassados e da sua relação com as vivências e manifestações culturais da atualidade. Numa visita programada para cerca de duas horas, os visitantes poderão conhecer as exposições patentes no Museu Municipal e dialogar acerca do que elas representam: a evolução do Homem nos territórios, os materiais utilizados, os nomes, a organização dos espaços físicos e sociais, as manifestações religiosas antigas e contemporâneas, as narrativas orais acerca de alguns jogos e tradições que chegaram até aos dias de hoje. Por outro lado, no Museu dedicado a José Manuel Soares, os visitantes terão oportunidade de conhecer a vida do pintor e, através da sua obra, testemunhar os grandes acontecimentos e protagonistas da História de Portugal, monumentos e paisagens rurais, assim como o importante contributo que deu na área da ilustração. As “Tardes nos Museus” serão então tardes de História, mas também de estórias, nalgumas ocasiões com um pequeno apontamento musical, num estreitar de laços entre as pessoas e a cultura. De referir que as visitas têm início com a aldeia de Alverca da Beira, dia 20 de janeiro. Nos próximos meses receberemos as gentes de Atalaia (17 de fevereiro) e Azêvo (17 de março).