PAISAGEM VINHATEIRA EM EXPOSIÇÃO

A partir de amanhã, dia 12 de Julho, o Museu do Imaginário Duriense recebe a exposição “Arquitectura da Paisagem Vinhateira” cujas características ímpares contribuíram para a classificação da região do Douro como Património Mundial. A exposição, também a pensar nos inúmeros turistas e visitantes, estará patente até 01 de Setembro.

Esta exposição, constituída por painéis de fotografias da autoria de Egídio Santos, resulta da inventariação das manchas exemplares de socalcos tradicionais da região duriense, um trabalho realizado pelo Serviço de Museologia do Museu do Douro, com o propósito de sensibilizar os visitantes para a importância patrimonial, cultural e histórica das arquitecturas tradicionais da vinha, que constituíram o principal elemento da classificação da região vinhateira do Douro como Património Mundial, em 2001.

A Exposição apresenta os resultados de um primeiro inventário das arquitecturas da paisagem vinhateira. Esta amostragem tem um carácter unicamente demonstrativo identificando, caracterizando e registando, fotográfica e cartograficamente, 57 manchas exemplares de socalcos tradicionais do vasto território duriense. O estudo terá continuidade com a elaboração de uma «Carta da Paisagem», assente num conhecimento sistemático do território e do seu património, podendo constituir um instrumento de gestão e de protecção do Alto Douro Vinhateiro.