Presidente da República cumpre promessa e volta à fábrica Portax/Iberoperfil

O Presidente da República, Professor Doutor Marcelo Rebelo de Sousa, visitou esta segunda-feira, dia 15 de outubro as instalações da empresa Portax/Iberoperfil, em Oliveira de Frades, um ano após o incêndio de outubro, que devastou totalmente as suas instalações.

Marcelo Rebelo de Sousa, regressou, tal como havia prometido, para ver in loco a recuperação e o investimento efectuado, que quando estiver totalmente finalizado irá rondar os 20 milhões de euros. O Chefe de Estado deixou palavras de incentivo e de satisfação pelo trabalho realizado, enaltecendo a administração e os funcionários pelo seu esforço.

Marcelo Rebelo de Sousa, visitou os pavilhões atingidos pelas chamas, comentando o esforço e o trabalho realizado nestes últimos meses, chamando mesmo a atenção para pormenores de que se lembrava da visita que realizou dias após os incêndios de dia 15.

Alberto Henriques, administrador da empresa, salientou já se estar a trabalhar “a cem por cento”, mesmo depois de ter sido forçada a fazer uma paragem de quase seis meses, a Portax/Iberoperfil conseguiu fazer face às encomendas graças à subcontratação de outras empresas, mantendo assim, uma presença forte num mercado em que somos líderes”.

Um período de reconstrução, durante o qual a empresa passou por um “processo doloroso, mas foi possível manter os postos de trabalho de mais de 200 pessoas, fazendo turnos, desmultiplicando as operações e a produção para conseguir, desta forma, servir clientes e manter os postos de trabalho”, disse Alberto Henriques, salientando a Marcelo Rebelo de Sousa, ser esta empresa uma dos principais empregadoras do concelho.

“Apesar de termos perdido alguns clientes, que não quiseram esperar, e apesar das tentativas da nossa concorrência de nos tentar retirar mercado, conseguimos ter apenas pequenas quebras de faturação”, o que demonstra que a portax/IBeroperfil, um ano depois é uma empresa mais ágil, muito mais robusta e com muito maiores ambições”, afirmou Alberto Henriques ao Chefe de Estado.

Esta reconstrução da Portax/Iberoperfil foi financiada por capitais próprios. No entanto, Alberto Henriques salientou, o trabalho de equipa realizado com a Seguradora Tranquilidade/Açoreana para que num esforço conjunto, o processo já esteja quase concluído.

O administrador da empresa, elogiou ainda o esforço do Governo, na rápida criação de instrumentos de apoio às empresas, logo após os incêndios, os quais, ainda não estão a ser utilizados, com a excepção do apoio do IEFP, apoio, este que considerou fundamental a muitas empresas da região para a sua sobrevivência.

A reconstrução das instalações, foi vista como oportunidade para mais, uma vez a Portax/Iberoperfil renovar as suas instalações, inovando e equipando as suas linhas de produção com os mais recentes avanços tecnológicos da indústria 4.0.