Quase um milhão e meio de euros para Viriato Teatro Municipal

O Município mantém a aposta na área cultural ao celebrar o contrato com o Viriato Teatro Municipal, financiando-o em quase um milhão e meio de euros. O contrato a quatro anos firmado entre os dois prevê o funcionamento do Teatro como espaço de produção e apresentação de espetáculos, de criação artística e de exposições, congressos, colóquios e outras manifestações. É objetivo de que este promova o desenvolvimento cultural e artístico da cidade e da região. Que mantenha o apoio a jovens artistas e grupos culturais, nomeadamente para a criação e apresentação de primeiras obras, onde devem ser desenvolvidas atividades pedagógicas no âmbito do regular funcionamento do Serviço Educativo do Teatro Viriato.

Espera-se ainda com este acordo que haja a inserção do Teatro Viriato nas redes de circulação nacionais e internacionais. E que seja mais um passo para a criação, fidelização e desenvolvimento de novos públicos, mantendo o desenvolvimento de um polo de informação cultural permanente.

Neste contrato fica explícito que durante um período de quinze dias por trimestre, durante sete dias da Páscoa, no Dia do Município e durante sete dias do Natal, o Município tem direito de utilização do espaço. A calendarização deve ser acordada entre os dois no ano anterior.

O Teatro Viriato é, com o apoio do Ministério da Cultura através da Direção Geral das Artes, uma prioridade do Município que valoriza o papel na criação, dinamização e divulgação artística e cultural junto de uma comunidade alargada e diversificada. Onde têm lugar as mais variadas manifestações culturais, como música, dança, ópera e teatro, que respeitam a sua valoração em termos qualitativos.

Este acordo pretende assim perpetuar esta visão do Teatro Viriato enquanto polo dinamizador e divulgador de novas opções artísticas nas diversas áreas culturais sendo, ao mesmo tempo, espaço potenciador de formação artístico técnica que visa a descoberta de novos talentos e de formação de novos públicos.
A.Pimentel
Foto: Wikipedia