Santas Casas de Lamego e Lisboa assinam contrato de financiamento

O Fundo Rainha D. Leonor, criado pela Santa Casa da Misericórdia de Lisboa e pela União das Misericórdias Portuguesas, vai apoiar a reabilitação da ala mais antiga do Lar de Idosos de Arneirós. Este fundo vai financiar, em 300 mil euros, a requalificação desta estrutura residencial pertencente à Misericórdia de Lamego, num investimento total de 1,5 milhões de euros, cuja execução deverá começar em breve no terreno. A assinatura do contrato de financiamento decorreu em Lisboa, com a presença de António Marques Luís e de Pedro Santana Lopes, provedores das Santas Casas de Lamego e Lisboa, respetivamente.
No quadro dos investimentos que vão ser concretizados no ano agora se inicia, Concluído o processo de licenciamento e pronto o caderno de encargos, terá lugar o lançamento do concurso público para a execução da empreitada.
O Fundo Rainha D. Leonor destina-se ao apoio financeiro às misericórdias portuguesas que possuem equipamentos sociais comprovadamente necessários para a cobertura da resposta aos cidadãos de todo o país.
Entre outras fontes de financiamento, a renovação e modernização do Lar de Idosos será ainda candidata à obtenção de fundos do Quadro Comunitário “Portugal 2020”.
Situado na freguesia de Vila Nova de Souto d´El Rei, o Lar de Arneirós é composto por um edifício com duas alas, com uma capacidade para acolher 84 utentes. Entre outros objetivos específicos, esta resposta social assegura a satisfação das necessidades básicas da pessoa idosa, nomeadamente o alojamento, a saúde, a higiene, o conforto e o lazer.