Vamos fazer o que ainda não foi feito!

No âmbito do Orçamento Participativo Jovem 2017, o projecto Entre Montanhas que visa a
divulgação da riqueza cultural e natural da região da Beira Alta, motivado pela associação
Ideias Solidárias submeteu um projecto da área da sustentabilidade ambiental para o Distrito
de Viseu. Face à situação dramática que assolou o nosso país, sobretudo o interior de Portugal
cada vez mais envelhecido e desertificado, apresentamos uma proposta de valorização do
património rural e ambiental, que assenta em quatro pilares;
Formação junto das populações rurais e das escolas, da Defesa da Floresta Contra Incêndios,
na consciencialização da diversidade da fauna e flora;
Turismo Natural variedade de paisagens e elevada diversidade de habitats naturais, com
condições que permitem a realização de programas de observação de aves em habitats
distintos e com um grande número de espécies, designadamente, em habitats de montanha,
escarpas, etc, na valorização dos cursos de água e nas aldeias rurais;
Ordenamento e reflorestação florestal a organização dos espaços florestais faz-se, através de
planos de ordenamento florestal, de forma articulada comos planos locais de ordenamento do
território e com a supervisão do Instituto da Conservação da Natureza e Floresta – ICNF;
Limpeza e Gestão de Recursos, apostar na limpeza de florestas, de caminhos florestais
aproveitando os recursos que a mesma dispõem, material lenhoso e outros que são
reaproveitados exemplo: para o fabrico de pellets ou no envio para Central de Biomassa
Podem votar todos os cidadãos nacionais e os cidadãos estrangeiros a residir legalmente em
Portugal, com idade compreendida entre os 14 e os 30 anos, através da página
https://opjovem.gov.pt/ – sustentabilidade ambiental – Número 53 – Vamos fazer o que ainda
não foi feito!

Alexandre Moura